Generic selectors
Exact matches only
Titulo
Conteúdo
Search in posts
Search in pages
Filter by Categories
Câmeras de Vídeo
Drones
Edição
Filmes Clássicos
Filmes de Terror
Música
O som é Rock'N'Roll
Sem categoria
Variedades
YouTube

09 jan

Subgêneros do terror – Saiba que nem tudo é igual

Sei que terror é terror, mas existem inúmeros subgêneros que facilitam a vida de quem gosta ou deseja conhecê-los. Do brinquedo que persegue suas vítimas até casas assombradas.

Acredito que o terror seja o gênero de maior abundancia de títulos e espécies.

Seu universo é amplo e o leque te possibilita escolher o estilo que mais agrada.

Como o rock, o terror ou o horror como é chamados nos Estados Unidos, fascina e faz fãs por todo o mundo.

É preciso diferenciar os subgêneros, para um melhor aproveitamento do ramo, como ligações entre títulos.

Conheça, resumidamente, um pouco mais dos principais e acessíveis subgêneros do terror.

Esses são os primeiros degraus para entendimento do maior gênero da sétima arte, o terror.

Clássico

Como o nome já diz, clássico é clássico.

É o horror cru e romantizado.

O inicio das lendas, dos monstros e criaturas que habitavam o imaginário de alguns povos e se transformaram em obras a serem admiradas.

Temos bons exemplos que resumem muito bem essa atmosfera gótica.

Salve, mestre Béla Lugosi!

Drácula (1931)

O Monstro da Lagoa Negra (1954)

Thriller

O suspense reina!

Tensão e revelações durante as obras.

O climax é o tempero especial  juntamente com a trilha que faz o seu coração apertar no peito. Muitos se transformaram em verdadeiras obras de arte cultuadas em todo o mundo.

Dentro do thriller há algumas ramificações, como:

Policial, erótico, mistério e político.

Vale lembrar que um subgênero bastante admirado é o “Giallo”. O cinema italiano sujo e pesado!

Psicose (1960)

O Silêncio dos Inocentes (1991)

Slasher

O slasher é o maior subgênero dentro do terror.

Famoso na década de 80 criou e gerou excelentes obras, tornando alguns personagens como “Jason Voorhees” e “Michael Myers”  como personagens da cultura POP.

A trama geralmente é resumida por uma pessoa que sofreu bullying ou algum outro estresse traumático quando criança, retornando décadas após em busca de vingança.

Cenário teen como excursões com colegiais e “namoradeiros” escondidos na mata.

Presas fáceis!

Vale ressaltar que grande parte dos assassinos em série utiliza de algum acessório, vestimenta e ou objetos para deixá-los ainda mais caracterizados.

Halloween (1978) 

Sexta-Feira 13 (1980)

Trash

Como o nome já diz, “lixo”! Mas dos bons.

Baixo orçamento, sangue, sarcasmo e violência exagerada são os elementos para esse subgênero.

Mas não se engane, muitos promovem filmes com altos orçamentos, porém com o foco no trash.

Particularmente, gosto dos undergrounds. Aqueles que são feitos com suor e lágrima!

O auge do cinema trash foi em 1978, quando o diretor George A. Romero lançou o conceituado “Despertar dos Morto”. O auge do cinema “zombie”.

O trash também está em outros gêneros, como filmes de ação, eróticos e artes marciais.

Excelente dica para assistir em galera com muita pipoca e refrigerante.

Trash – Náusea Total (1987)

A Morte do Demônio (1981)

Sobrenatural

Talvez seja o subgênero do terror mais aceito!

O sobrenatural está presente também em outras vertentes do terror, como o slasher, por exemplo!

Costuma trabalhar com casas assombradas, espíritos e demônios que foram invocados.

Criaturas também são bem vindas!

Duvido que você nunca tenha assistido a pequena “Regan MacNeil” girando a cabeça, possuída.

Sim?

O Exorcista (1973)

Poltergeist (1983)

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *